segunda-feira, julho 10, 2006

João Pereira na Biblioteca Municipal da Covilhã

(clique para aumentar)

O escultor de Casegas, João Pereira, apresenta finalmente na região o trabalho, "Ley, uma linha no território", Um trabalho iniciado em 1996, já conhecido noutros sítios mas ainda não divulgado na região. Este trabalho, é composto de quatro construções, que se inspiram nas construções primitivas portuguesas, mais explicitamente nos "malhões", construções pastorís. As quatro construções, encontram-se em linha reta e ligam a serra do pigeiro entre Casegas e o Sobral e o Cântaro Magro da Serra de Estrela, passando pela Alvoaça, entre Unhais e Alvoco, onde se encontram as outras duas. Algumas pessoas já se tinham deparado com estas construções, mas não sabiam que se tratava de um trabalho de arte contemporânea. Agora, finalmente, têm a oportunidade de se informarem sobre este trabalho visitando a outra parte deste trabalho - a documentação e outros objectos - que se encontra disponível na Galeria da Biblioteca Municipal da Covilhã até final de julho. Alem de fotografias dos trabalhos, podem ver como foram construidos alguns destes trabalhos, ver que materiais foram utilizados na sua construção, ver um vídeo sobre o trabalho deste autor e ver, ou tomar contacto com a variedade geológica que se encontra nesta linha, observando aquilo que à primeira vista pode parecer uma brincadeira e que é uma linha de pedras que se encontra colocada no chão da galeria. Estas pedras (100), foram recolhidas na linha imaginária que liga as quatro construções e constituem um mapa geológico da região. Se começar-mos pelo lado da Serra, temos os granitos, depois na zona de Unhais, aparecem quartzo e outros tipos de pedra e depois aparecem os xistos e os veios de quartzo característicos do território de Casegas e acaba com o xisto negro do Sobral. Os textos do folheto, que serve de catálogo, aclaram-nos das intenções do autor e o folheto, ao ser um mapa com a localização das construções fornece também a informação para quem quizer aventurar-se neste território à descoberta.

17 comentários:

make love not war disse...

Só para dizer k isso das pedras é fixe:)

Sobral disse...

isso é no sobral?...não?...entao nao interessa...passem a frente.!!!

atumnespereira disse...

Uma por acaso fica na linha das àguas vertentes que separa Casegas do Sobral. A escadaria que sobe pelas fragas fica perto do márco geodésico do Pigeiro. Vai lá ver...

becas disse...

lol embrulha sobral, pá próx ñ te pões a adivinhar e metes o bairrismo no (o)

Asno disse...

Sobral, perdeste uma oportunidade de ficar calado/a.
Porque se há duas aldeias em que nunca ouve rivalidades nem invejas, foram são Casegas e Sobral,logo, poupa-nos das intervenções despropositadas.
Se tivesse lido o post com atenção, terias verificado, que uma das instalções está de facto entre Casegas e Sobral. Mas talvez estejas mais preocupado com a arruaça o que é pena.

Sobral disse...

asno.. ninguem falou em rivalidades...apenas nao me diz nada essa notica..e acho k nao disse nada de mais...mas tou a ver k nao gostam de contrariedades... por isso ponham a noticia no cu(nao o disse o becas..digo-o eu)

Asno disse...

Caro sobral,
só lhe vou responder porque a famel parece andar ocupada.Então aí vai:

Como este blog não foi feito para agradar em ninguém em particular, não posso aceitar que o senhor venha para aqui ditar o que interessa ou deixa de interessar, ou o que passa á frente e o que fica para trás, como ninguem tem nada a ver com o facto de o senhor apreciar arte ou não e muito menos a ver temos, com os seus prazeres anais.
Logo, se não gosta de algumas noticias que são aqui publicadas, passe o senhor à frente, pois não o temos como centro das atenções, a não ser que tecle embriagado na cama e esteja a ver o mundo a girar à sua volta.Tome um cafézinho, é apenas a cama a andar à roda.
Passe bem.

Sobral disse...

ó asno disse alguma coisa demais?
um simples passa a frente e nao interessa, dá vos a volta a cabeça?
como vou pra cama nao te diz respeito tambem,e nao deixas te de o dizer.nao te estejas a convidar k eu nao tou virado praí.esses prazeres anais,deixo-os pra ti e pro becas,divirtam-se.

galo da india disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
galo da india disse...

Era meter-vos a todos numa saca e bota pró poco da viola, seus rabichonas!!!!

Bem Azado disse...

"sobral", muda de nick! asno ou famel, deixem esta gajo/a escrever como anónimo, pois não merece o nick q usa. Vem para aki escrever nos posts todos com tom arrogante e provocador e dp vem pedir batatinhas e paninhos quentes...
Lá pó rai cu parta!

Sobral disse...

ja te sentes mal azado?...ja tiveste a tua oportunidade de mandar as bocas...fica bem e até nunca mais

MUL@ disse...

Andor! Ala que se faz tarde, zurra daqui!

galo da india disse...

MUL@ disse...

Andor! Ala que se faz tarde, zurra daqui!


E dps admiram-se que comecem as turras....ya tens a ultima palavra, és a maior!!!!!!!Cresce

galo da india disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...

Greets to the webmaster of this wonderful site. Keep working. Thank you.
»

Anónimo disse...

Enjoyed a lot! » » »