sexta-feira, fevereiro 27, 2009

Carnaval no Sobral 2009

Para mais tarde recordar este magnifico Carnaval

21 comentários:

Anónimo disse...

Realmente foi um entrudo muito concorrido. Parabéns pessoal continuem assim.
E parabéns a quem se lembrou de mascarar o busto do presidente da camara, não podia assentar melhor.

fétera disse...

Papa notas by BPN, Pilha Galinhas, Douradinho do Apito e Promoção Freeport Luvas. Prisioneiras muito actuais e perspicazes, estavam um must.
Boa festa com muitos mascarados. Assim sim.

Anónimo disse...

baralho de cartas....
do melhor!!!!!

famel disse...

Sim acho que os mascarados estavam todos muito originais. Gostei muito de ver as loiraças e o xico vestido de cigana estava super engraçado.
O espirito realmente é o que mais interessa para que possamos assim, continuar a animar o nosso Sobral.

Anónimo disse...

O entrudo quer-se borralhudo, este não o foi. Será mau presságio?

Anónimo disse...

esta muito fixe

Anónimo disse...

Qual Carnaval do Rio, qual quê:) É CARNAVAL...NO SOBRAL!

naifas disse...

E jogar ao jogo do panelo com ele cheio de água? Já o fizemos e foi uma grande maluqueira.
Agora com estes videos guardados na internet já vou poder mostrar o que é o jogo do panelo a quem não conhece.
Esperemos é que se continue a jogar durante muitos anos.

famel disse...

Com água?? Já não chegava o facto de o panelo estar todo escavacado no bordo e ainda jogar com água?! Realmente vocês gostam de risco!

Anónimo disse...

Apesar de estar escavacado no bordo, parece me que é o único que resiste no sobral... Ou haverá mais por lá??? Mesmo escavacado deu para divertir a malta e reviver uma tradição sobralense.

famel disse...

Eu procurei panelos e só encontrei odres. Odres vi muitos mesmo. Ainda desafiei os rapazes para jogarem com o odre, mas digamos que se acobardaram.

Anónimo disse...

Uma coisa é certa! No próximo ano há pelo menos um panelo. Haja malta disponivel e com boa disposição para jogar...

Anónimo disse...

Quem partiu o panelo pagou uma rodada num dos cafés?
Para o ano, não gosto de fazer promessas e nem sei como me irá correr até lá, mas gostava muito de poder partilhar com vovês essa tradição.
Nunca me tinha apercebido que se jogava com odres? Os odres não partem,e, por isso a escolha alternativa.....
Maria Ideias

famel disse...

O panelo não partiu, ninguém o deixou cair ao chão! Está já guardado para o próximo ano voltarmos a jogar.
Os odres não partem? Então mas os odres não são aqueles potes enormes onde se metia o azeite ou vinho?
Eu nunca vi ninguém jogar com odres porque são realmente muito grandes, só os rapazes talvez se arriscassem a jogar.

Anónimo disse...

No próximo ano gostaria de ver os rapazes a jogar com oooodrrrresss!!!!

Anónimo disse...

Famel o odre e feito da pele duma cabra o pote de barro .

Anónimo disse...

Famel o odre e feito da pele duma cabra o pote de barro .

Anónimo disse...

Famel o odre e feito da pele duma cabra o pote de barro .

virgilio neves disse...

Famel e companhia, os odres que eu conheci cheios de vinho ou azeite -aí c/ uns 40 litos de capacidade - (2 de almudes de vinho ou 3 alqueires de azeite)- eram carregados no lombo dos matchos ou mulas dos almocreves que vinham do Paúl e Erada,ao Sobral vender ás tabernas...
eram feitos de peles de cabra com o couro para fora e os pelos pára dentro. E já agora. os talegos para os moleiros e moleiras carregarem a farinha também era iguais, mas mais branquinhos-claro-. Duravam décadas...

famel disse...

Ah então se os odres são parecidos aos talegos estou completamente equivocada. Eu pensava que os potes grandes de barro é que eram os odres. Então para que raio serviam os potes? Não me parece que servissem para estar nos jardins como nos dias de hoje.

virgilio neves disse...

Ai famel,famel,então onde é que os teus avózinhos guardavam os alqueires de azeite que produziam ? E onde curtiam as azeitonas e guardavam as chouriças defumadas?
PERGUNTA Á TUA MÃE ONDE ERa A LOGE DO MEIO. e quantos potes lá havia?
Na caverna do Alibabá e 40 ladrões havia potes cheios de ouro. E na Rebolta/Revolta, a caminho do Valminhoto também está enterrado um pote de ouro do tempo dos mouros ,só que não sabemos a fundura do buraco. Isso é trabalho para a arqueológos...
beijos.