terça-feira, março 04, 2008

Alces nos jardins? :)

Vindas do Canadá recebemos as fotos do sobralenses Fernando Pereira...acho piada ao Alce a pastar visto que nós aqui no Sobral estamos mais habituados a ver as "tchebitas" lol


A segunda foto foi tirada pelo mesmo na sua ultima passagem pelo Sobral e desta foto destaco o facto de estarem a cair umas beirolas do tubo da rega!



Será que alguém sabe quem estava a regar na eira nessa manhã?

13 comentários:

do outro lado do canadá disse...

Belo animal!!! Fernando.Há duas semanas tivemos a visita dum aqui no quintal que, pelas pegadas que deixou na neve, devia ser uma bela femêa.Como sabes conhesse-se pelas pegadas.Um abraço .

do outro lado do canadá disse...

Quero corrigir; "CONHECE-SE" . E já agora, quem andava a regar do lado do vale seria o Alberto Francisco ou o irmão deste ,Pois mais ninguem usa essa cale

Guardarios disse...

Aisa agora! o Fernando Pereira andava masai a veire onde e quia arrumar a nassa pà agarra umas truitas a àuga é questava munto alta

Anónimo disse...

Fernando Pereira. o outro lado tem razao as femeas deichao marcas das quatro patas ,os machos deichao quatro patas e um risco entre elas deve ser o umbigo a arrastar na neve .lol.Quem andava com a agua,pemso que era o ti Alberto Abrantes que andava a regar as couves. quanto as trutas sao pequenas mas fazem lembrar tempos em que a ribeira nao era tao poluida e o peixe se podia comer. hoge na parte do povo a ribeira esta limpa mas ate no valminhoto a agua cheira mal,daquilo que sai da rede.um abraco

naifas disse...

Anónimo achas que agora é que a ribeira está poluída? Eu cá sou bem novo mas lembro-me de ouvir a minha avó dizer que o hábito que mais lhe custou adquirir, foi deixar de utilizar a ribeira como caixote do lixo lá de casa. E ao que parece antigamente essa era a pratica comum e tão depressa estavam a despejar uma penicada, como logo a seguir iam lavar a roupa à ribeira.

Anónimo disse...

Há uns anos atrás era normal que que a ribeira estivesse poluída, mas actualmente não se admite que ela continue poluída.
Mas parece que a partir da Estação de tratamentos de esgotos a ribeira esta poluída o que é triste, parece que não temos Junta de Freguesia nem Assenbleia de Freguesia.

dcd disse...

Porque so a ribeira poluida a partir de estaçao de esgotos,o AR tambem esta poluido e nada ou pouco se faz, OBRIGADO a quem mandou a construir.

naifas disse...

Obrigado a quem a fez, mas sinceramente tinha que funcionar mal logo de inicio? Foi erro de fabrico? Nunca soube bem o que se passou ali, só sei que às vezes vem de lá um cheiro mau, e a foz da portela nem parece a mesma infelizmente!

Anónimo disse...

E normal qualquer estação de tratamento de esgotos deixam cheiros,e quanto a imagem e um bocado triste relembrar quantas vezes que nos juntava-mos para ver essse sitio cheio de trutas mansas aos montes delas mal lá cabiam e derrepente uns senhores dissediram que elas ali estavam mal, que o melhor sitio para elas era os congeladores deles, cheios eu diria mais muitos cheios de trutas desculpem a expressão mas que granda cabrões!

DCD disse...

O problema nao é de a terem feito, mas é no sitio onde foi feita, nao a podiam ter feito uma ou duas curvas mais abaixo. Certas pessoas que estam do outro lado da aldeia nao teem direito a CHEIROS AGRADAVEIS, é para aquelas que teem as janelas viraradas para la (SOBRETUDO O DIA DE LIMPEZA).

Anónimo disse...

A parte da ribeira que atravessa a nossa aldeia,sem duvida que esta mais limpa de que antigamente, mas a partir da estacao de tratamentos,e uma miseria,admira como e que os responsaveis pelo ambiente nao fazem ou dizem nada. Un barquito a remos ficava bem nesta foto,sera que ja alguem tentou navegar a nossa ribeira?

naifas disse...

Navegar a nossa ribeira não deve ser nada fácil, encalhavamos umas quantas vezes nas pedras, mas devia ser engraçado!

Quanto à ETAR se bem me recordo o presidente Carlos Pinto disse que quando a mesma começasse a funcionar, ele prontificava a beber um copo da água que de lá saía!

Fica aqui um apelo para ele vir cumprir isso, talvez assim veja com os proprios olhos que aquilo lá não está a funcionar muito bem.

Anónimo disse...

Eu e tantos outros navegamos a ribeira muitas vezes mas foi com uns barquitos feitos de cascas de noz :)